Rumo a Cairns [Rota Kids Down Under, dia 4: 23/07/2019]

Hora de entrar no avião de novo.  Não,claro que não vamos retornar ainda.  Vamos dizer um até logo a Sydney e voar rumo a Cairns, na Grande Barreira de Corais. Quem sabe não encontramos de fato o Nemo e a Dory?

Cairns é uma cidade que fica no norte do estado australiano de Queensland. A cidade é considerada a porta de entrada da Grande Barreira de Corais, a maior barreira de corais do mundo, com cerca de 2500km de extensão,  abrigando uma enorme variedade de espécies marinhas. A Grande Barreira é considerada Patrimônio da Humanidade pela Unesco e é point para mergulhadores do mundo inteiro.   Cairns é uma cidade relativamente pequena, com cerca de 160 mil habitantes, e tem uma beleza natural e acolhedora.
Como Rafael é Divemaster certificado PADI ,não poderia vir até a Austrália e não mergulhar na Grande Barreira de Corais, seria como ir a Roma e não ver o Papa.    Por este motivo, Cairns entrou no roteiro da viagem da Austrália logo no início do planejamento.  A distância entre Cairns e Sydney é de cerca de 2400km, um pouco mais que a distância entre Rio de Janeiro e Recife.   Ou seja, levam-se alguns dias para dirigir entre elas em um ritmo razoável.  Não teríamos tempo para ir e voltar de carro, então após muitas tentativas de roteiros, decidimos que iríamos de avião para Cairns (são cerca de 3hs e voo direto a partir de Sydney) e depois desceríamos de volta para Sydney de carro, em uma grande Road Trip!

Nosso voo pela Qantas partia cedo, e chegamos no aeroporto mais cedo ainda para tomar café em um dos restaurantes.  Utilizamos aqui o convênio do nosso cartão de crédito com o Priority Pass, para economizar e comer muito bem.

O Priority Pass dá acesso a mais de 800 salas VIP ao redor do mundo e que saem de graça para nós.  Porém, no aeroporto de Sydney, não há salas conveniadas. Para compensar, alguns restaurantes fornecem as refeições pelo valor equivalente a uma entrada paga em sala VIP pelo Priority Pass (cerca de 32 dólares americanos).  Com isso, utilizamos o equivalente a 3 acessos e tomamos um café da manhã completo de forma gratuita!  Ponto para o planejamento de viagem!

Voo da qantas

Chegamos em Cairns já 12:30, o voo durou cerca de 3 horas.  No aeroporto já dá para perceber que a cidade respira o mergulho.  Dezenas de pessoas esperando caixas e caixas de equipamentos na esteira da bagagem.  Pegamos um Uber direto para o Novotel Cairns Oasis Resort, já chegando lá bem na hora do check in mesmo. O hotel é muito bem localizado e com muitas facilidades e serviços, como uma piscina que elas não queriam esperar para testar, nem a chuvinha fina que caía espantava a vontade.  No entanto, depois de colocar as malas do quarto, fomos procurar um lugar para almoçar e só depois  explorar um pouco da cidade.

Descobrimos que o hotel ficava bem ao lado do Aquário Marinho de Cairns, ficamos muito interessados e tentados a fazer a visita, mas desta vez resolvemos ver o que nos aguardava na Grande Barreira de Corais no dia seguinte.  No entanto, resolvemos almoçar no restaurante do Aquário que tem entrada separada, onde o ambiente é muito acolhedor com obviamente um aquário enorme em sua decoração.  Conseguimos uma mesa bem ao lado dele e as meninas já começaram a colocar apelidos nos peixes enquanto esperávamos nossos pratos –  de peixes e frutos do mar-  que aliás estavam uma delícia.

Bel dando nome aos peixes
Vai um camarão com macarrão
Ou fish and potatos?

Depois de almoçarmos fomos dar uma voltinha até a praia e conhecer o pier, até mesmo para saber a  distância que teríamos que caminhar no dia seguinte de manhã para pegar o barco com destino à Grande Barreira de Corais onde faríamos o mergulho.

Piscina pública, na hora que passamos já estava fechada. Olha a limpeza e o tamanho dela, impressionante

Ficamos bem impressionados com a infraestrutura de lazer pública do parque a beira mar, com essa piscina pública que estava fechada pelo horário, mas mesmo assim dava para ver que tem o local do guarda-vidas , cadeiras e banheiros, ou seja, todo suporte para um dia divertido e seguro na piscina.  Ficamos imaginando esse lugar no verão como seria… As meninas ficaram com vontade de experimentar, mas de fato estava fechada e frio demais para isso, pelo menos eu estava sentindo frio.

Passeado perto da praia, é uma paisagem bem diferente das praias que estamos acostumados a ver, essa é mais para os barcos que para pessoas…
A tardinha os barcos já estão todos ancorados esperando o próximo dia de passeios
Bebel posando em frente aos píers

Estava até um pouco friozinho e elas estavam doidas para voltar ao hotel e experimentar a piscina com fundo de areia e flutuar nas enormes bóias parecendo travesseiros ou pranchas.   Voltamos logo em seguida.

Finalmente a piscina… Olha a folga das princesas

Naquela noite, ainda tivemos pique para mais uma volta e conhecer o mercado local – o Cairns Night Market, uma espécie de point na cidade com vários bares e lojinhas que vendem itens de lembrancinhas e artesanato regional, além de lanchonetes e alguns restaurantes. Assim fizemos nossa pesquisa de itens para voltar noutro dia e quem sabe levar várias lembrancinhas dessa nossa aventura de volta para o Brasil.

Ele abre todo dia depois das 16:30 – o que faz todo o sentido em uma cidade voltada para o mergulho – é a hora em que os barcos vão retornando após passar o dia no mar!

O point noturno da cidade
Algumas lojas lembravam as comidinhas que comemos no Japão, talvez pela proximidade com esses países haviam tantas opções de comida oriental.

Antes de voltar ao Hotel e descansar para o nosso passeio no dia seguinte, ainda encontramos um mercado Woolworths e fizemos algumas comprinhas de lanches – e conseguimos mais alguns bonequinhos para a coleção do Rei Leão!

Item de necessidade básica: Banana!

Partiu hotel e descanso para o barco no outro dia!

See Ya.

Dicas deste post:

  • Se você viaja bastante, vale muito a pena ter um cartão de crédito que dê gratuitamente o Priority Pass.  Mesmo que haja alguma anuidade, o benefício facilmente se paga em lugares para descansar e refeições.  Utilizamos muito o benefício principalmente nas viagens com escalas longas.
  • Cairns é a cidade com maior número de operadoras de mergulho no mundo.  Mas se você resolver mergulhar, reserve com antecedência, pois a procura é enorme o ano todo!
  • O Novotel Cairns Oasis Resort fica a uns 10 minutos a pé do pier.  Facilita muito na hora de ir/voltar de um passeio de barco.
  • O Cairns Night Market é imperdível. Ótimo point para um lanche rápido e para comprar souvenirs, com um preço bem mais em conta do que nas grandes cidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *