Tokyo: Ueno Zoo [Rota Japão dia 11: 29/01/2019]

Em quase todas as nossas viagens,  acabamos visitando um ou até mais de um zoológico local, e no Japão não seria diferente.  Escolhemos visitar o mais antigo em Tokyo, Ueno Zoo.

No entanto, antes de chegar no zoo ao desembarcar na estação do trem JR em Ueno Taito, passamos pelo belíssimo parque de Ueno,  que também é um passeio agradável e contemplativo, além de preliminar às atrações do próprio zoológico.

Pela estrada a fora…

O parque é muito grande e abriga outros serviços como museus e academias de arte, mas focamos no caminho que nos levava ao zoo mesmo para não perder tempo.  Mas eis que no meio do caminho ainda deu para parar um pouquinho e brincar em um parquinho antes de entrar para visitar nossos amigos bichinhos.

Porque criança tem que brincar…

Enfim, chegamos ao zoológico onde a atração mais procurada não apenas por nós, mas por todos os visitantes, eram os Pandas.  Isabel estava louca por pandas e depois de ver os bebês pandas ficou mais encantada ainda, todos nós ficamos.  Eles são grandes, fofos e praticamente extintos na natureza, por isso também a grande loucura por vê-los.  Aqui no zoo eles têm um espaço especial reservado para eles, com tempo delimitado de observação para cada visitante.  A fila não pode parar muito e tirar uma foto decente com eles foi quase uma tarefa para profissional.

Entrada da área dos pandas
O cara fica lá largadão comendo bambu o dia todo
e dormindo…

Depois de matar a vontade de conhecer os pandas fofinhos, era hora de começar a visita ao zoológico propriamente dita.  Fomos seguindo o mapa – em zoos enormes como este, sempre pegue o mapa e guarde consigo com cuidado, para que não se perca nos caminhos ou mesmo que deixe de ver uma atração a qual gostaria muito de ver.

 

mapa do zoológico

Primeiro o nosso amigão o elefante, e ele estava sendo alimentado na hora, ele come toneladas de comida por dia para manter esse shape tão unique!! E ele brinca com o cuidador enquanto é alimentado, por todo lugar a impressão que temos é de uma boa relação dos animais e os humanos que cuidam muito bem deles.

Hora de comer!!
Mostra de uma presa enorme de elefante.

Seguimos nosso caminho e encontramos nossos amigos macacos, esses especificamente de neve, meio amuados, talvez pelo frio mas mesmo assim simpáticos.

Hora de comer não é hora de foto!!
Nem essas macacas estavam com boas caras

E falando em frio não podemos deixar de ver o Urso polar, esse sim estava nem dia bom e desfilava de um lado para o outro mostrado toda sua graça e beleza do seu porte atlético polar!! Mister Polar 2019!

Polar desfila muito bem!
Todos os animais tem essas plaquinhas com descrições da espécie em japonês e em inglês
Depois do Polar O Pardo, mas só a estátua, assim dá pra tirar uma foto de pertinho

Não muito longe estava o urso negro japonês, com um pelo super brilhante e umas garras enormes que realmente eram assustadoras

Olhando assim parece até mansinho…
mas olha o tamanho das garras!

Em um outro lugar mais a frente mostra-se a importância da hibernação para esses animais e por vídeo vimos um deles dormindo tranquilinho!!

Shhh, ele tá mimindo!!!
Placa explica que o zoo permite a hibernação o Urso Preto Japonês controlando o ambiente com comida, água e temperatura adequada. O visitante pode observá-lo mesmo assim através de camêras ao vivo.
Sun bear

Quase todos os habitats são cercados com fossos ou com vidros, dá para olhar todos os bichos muito bem, e sem aquele aspecto de “prisão” para eles.

As meninas se divertem explorando os animais, e vendo a diversidade da fauna em cada zoo que visitamos.  Em nenhum outro tivemos oportunidade de ver essas espécies de urso, nem elas hibernando, realmente fantástico a iniciativa de Ueno em permitir essa experiência ao visitante.

Seguimos para as aves e a nossa pequena pinguim loira tentou se comunicar mesmo que pelo vidro com outras espécies de aves do local, sem muito sucesso eu diria!

Olá senhora gaivota! Bel, Bel, Bel…
Grua de pescoço negro
Esse Tucano tá me olhando torto ou o quê?

Mas realmente o Panda aqui está como o Mickey está para a Disney: em todo lugar há cartazes de projetos para salvar esses bichinhos fofos e apaixonantes e lógico que nós apoiamos a causa!! E paramos para fotos.

Bia first
Then Isabel e os Pandas
Até a comida tem cara de panda! Os olhos e orelhas são feijões que ela disse terem um gosto doce muito bom!

Almoçamos na praça de alimentação do zoo, e lá existe um cardápio bem especial, com a temática do parque.  Havia comidinhas bem naturais, embrulhadas em madeira, gostoso e ecológico!

 

Sobremesa também, biscoito com sorvete dentro. #savethepanda

E quem disse que não vimos animais brasileiros? Olha aí a que foi chamada de Antílope Brasileiro, ou seja a Anta!

E ou não é uma anta?

E não podíamos deixar de ver sua majestade . Os felinos mas belos estavam aqui também, tomando sol e fazendo a exposição de suas belas figuras aos visitantes admirados com sua realeza.

Leoa Africana
Placa indica que estamos perto dos tigres. muitas delas são assim entalhadas em madeira, mostrando um trabalho artesanal muito bonito!
Aqui mais uma dessas placas de entalhe artesanal mostra os macacos
Tigre é um pouco mais tímido mas mesmo assim conseguimos ver sua inigualável beleza

Já na área dos primatas as placas comparam os gorilas e chimpanzés aos seres humanos e pode-se mesmo se medir e ver na prática as semelhanças e diferenças entre as nossas espécies, um exercício muito educativo e interessante para qualquer idade.

A pequena primata loira
Primata adolescente
comparando as mãos

Havia ainda muitos outros animais neste lado do zoo, mas se repararem no mapa  lá no início do post, o zoo atravessa para o outro lado da via, essa travessia poderia até ser feita de monorail, no entanto o mesmo estava parado neste dia e frustrou não só a gente como um bom número de turistas.  De qualquer forma você pode fazer a travessia a pé pela passarela, curtindo um pouco mais o visual do parque.

A paisagem é muito bonita na travessia

Do outro lado, encontramos os nossos amigos, os pinguins!!! Também tomando sol e se refrescando no seu habitat projetado especialmente para eles.

Que folga hein Sr. Pinguim
Pinguim Bel com os Pinguins

Aqui também estão os marsupiais mais famosos e como são grandes esses cangurus…

Cangurus cinza
Flamingos, as aves que deram origem ao nome do nosso bairro o Flamengo(segundo uma das teorias)

E entramos na área dos bichos pequenos e esquisitos, parecem roedores, parecem esquilos, parecem ratos, alguns não toleram luz. São … esquisitos!

Parece um esquilo
Habitam a região do Cairo
pequenos e listrados de cinza
ratos pelados

Eu particularmente não gosto de morcegos e animais noturnos, mas o Rafael acha lindo e peculiar então temos sempre que visitar, os bats!!

morceguinho
um monte deles

depois de tudo isso que posso dizer?

Hakuna Matata!

Timão. Será que está procurando o Pumba?

 

Olha Timão achei o Pumba!!

Uma das coisas mais legais desse zoológico é que se você chegou na “jaula” do animal e não conseguiu ver tem uma plaquinha que diz : Se não conseguiu visualizar deste ponto tente por aqui. E você entra pelos digamos, bastidores da “jaula” e consegue de qualquer forma ver o animal em questão, desta forma não há a frustração de chegar ao zoo para ver o hipopótamo e ele só aparecer de bumbum ou estar de baixo da água onde não se pode vê-lo.  Hoje por exemplo, o hipopótamo e a girafa estavam na parte mais protegida, e você pode entrar lá e visitá-los!

háha´achei vc Sr Hipopótamo!
O mesmo com a Sra. Dona Girafa

Há ainda uma área só para o animais tropicais, onde se pode ver répteis e anfíbios de inúmeras espécies, com uma climatização perfeita – quente e úmido.

a floresta tropical
jacarezinho

jacarezão!

tartaruga pescoçuda
Sapo azul, ele sempre e em todo lugar!!!
Isabel e a tartaruga
E os lemures fazendo sua bagunça: Eu me remexo muito!!

E sempre dá tempo de passar na gift shop e levar uns presentinhos e lembranças desse lugar incrível. Ah e aqui tem mais pandas e pandas de todos os tamanhos!!

Tem até panda rosa!!
foto em frente ao pagode, frio e ventania!

Na saída, passamos em frente à área dos nossos amigos pandas.  Mas agora, a fila era enoorme, e com certeza mais complicado para curtir os bichinhos!

Ainda bem que visitamos o Panda ao chegar, olha o tamanho da fila agora a tarde!!

A visita ao zoo acabou, mas ainda deu tempo de  passearmos pelo comércio da região de Ueno.

Uma das ruazinhas de comércio em Ueno

Também passamos em um centro comercial perto e ver algumas lojas – inclusive uma loja do comitê olímpico com itens oficiais, preço meio caro mas…

Isabel e os mascotes Olímpicos e Paraolímpicos
olha o número de maquininhas de briquedinhos de bolinhas…

Tínhamos andado muito no Zoo, então ninguém estava com muito pique para encarar um jantar mais elaborado.  Ainda bem que o Ibis Tokyo Shinjuku fica num prédio com uma hamburgueria gourmet no térreo, uma cadeia japonesa chamada de 3rd Burger.  Não ficou devendo nada aos hamburgueres ianques.

O jantar hoje foi na hamburgueria que fica no andar de baixo do hotel

Após o jantar foi subir para o quarto e cama!  A viagem já está se aproximando do fim, falta pouco para terminar nossa visita – incrível – à Terra do Sol Nascente…

See Ya.

Dicas deste post:

  • Chegue cedo ao Zoo de Ueno, e vá direto nos pandas.  Se a fila estiver pequena, entre de novo e veja novamente logo em seguida.  Quanto mais tarde, mais cheio, e você não vai se animar de enfrentar as filas que se formam ao longo do dia.
  • O Zoo é bem grande, trace uma estratégia de visita para conhecer os habitats que mais lhe interessam.  Para nós, o foco foi nos bichos mais difíceis – ou até impossíveis de ver no ocidente.

 

4 pensamentos em “Tokyo: Ueno Zoo [Rota Japão dia 11: 29/01/2019]”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *