Estratégias de Viagem: Utilizando o ITA Matrix

Nova seção do site!

Iniciamos hoje a seção Estratégias de Viagem, que vai trazer sempre uma dica útil (e nem sempre óbvia) para a hora de montar um roteiro, reservar um hotel, um carro, enfim, como realizar da maneira mais inteligente alguma etapa da viagem.

A estratégia de hoje envolve a escolha de passagens aéreas.  Sempre começamos a planejar um roteiro pelas passagens, por ser normalmente o maior valor.   Invariavelmente iniciamos a nossa pesquisa pelo serviço Ita Matrix, do  Google.

O que é o Ita Matrix

O ITA Matrix não é um site de reserva de viagens, mas possui um algoritmo poderoso para pesquisa de passagens aéreas, muito semelhante aos sistemas profissionais de reserva de bilhetes aéreos.

Ele consegue mostrar passagens que estão teoricamente disponíveis.  Nem sempre será possível emití-las diretamente pelo site da companhia aérea respectiva, mas, utilizando-se a os códigos de roteamento,será possível emiti-las através de um agente de viagens ou pelo telefone da companhia aérea.

O Ita permite utilizar diversos comandos de roteamento durante a pesquisa, que permitem modificar o tempo de escala, o lugar onde se quer realizar a mesma, planejar layovers, múltiplas cidades, até mesmo o tipo de aeronave.  A ferramenta é muito poderosa e requer algum tempo para dominá-la.  Mas acreditamos que é um tempo bem investido, pois irá facilitar e muito a organização de novas viagens.

Vamos dar um pequeno exemplo do poder do Ita Matrix.

Aproveite a viagem para visitar dois lugares distintos, pelo mesmo preço!

Quem acompanhou nossa viagem para a Itália viu que utilizamos um roteiro nada convencional.  Nossa passagem envolvia layovers longos em Nova York, o que serviu para darmos uma volta por Manhattan, fazer umas compras e visitar o Top of the Rock.  A parada em Nova York custou absolutamente nada para nós.  Pelo contrário, fazendo este roteiro nada ortodoxo, nossa passagem para Milão saiu muito mais barata do que seguindo os roteiros tradicionais.

Um roteiro deste tipo pode ser montado facilmente pelo Ita Matrix, utilizando-se os códigos avançados de roteamento.  Vamos sortear uma cidade para visitar.  Por exemplo:  Lisboa.  Vamos agora escolher uma época.  Vamos pensar em 6 meses para frente:  Abril de 2017.  Vamos ver as opções de voos que o Ita nos dá:

Rio - Lisboa
Rio – Lisboa

A primeira dica é: caso seja possível, preencha o nome da cidade destino, não o aeroporto.  Muitas cidades são atendidas por mais de um aeroporto, se você especificar um deles, está jogando fora todas as demais buscas, que podem retornar roteiros mais interessantes.  Para este exemplo, marcamos apenas Lisboa:

Roteiro e possível escala
Roteiro e possível escala

 

Nossa primeira pesquisa retornou um voo da KLM, com escalas na ida e volta em Amsterdam.  A escala da ida é mais longa.  Por que não aproveitar e alongar um pouco mais, para aproveitarmos a cidade? Começamos agora a entender o poder do Ita, utilizando os códigos de roteamento avançados.  Neste caso, o código é o minconnect:

minconnect logo abaixo da primeira perna da viagem
minconnect logo abaixo da primeira perna da viagem

Forçamos a escala em AMS (Amsterdam), com um mínimo de 48 horas (2880 minutos),  que já daria para conhecer um pouco a cidade.  Qual o impacto no preço?

Sucesso!
Sucesso!

 

Neste caso, a passagem ficou apenas 43 reais mais cara, o que compensa para aproveitarmos mais a viagem.  Até é possível conseguir uma passagem por companhias europeias low cost por este preço, mas lembre: comprando a viagem completa, vale a regra de duas malas de até 32 kg cada, para voos originados no Brasil, enquanto que num trecho contratado em separado, sua franquia de bagagem será bastante reduzida ou até não existir.

É importante experimentar com as datas e roteiros para ver se aparece algo interessante.  Por vezes, forçar uma escala longa pode até gerar uma passagem mais barata!

Com a dica de hoje já dá para montar alguns roteiros interessantes. Aproveitem, e até a próxima!

See ya

4 pensamentos em “Estratégias de Viagem: Utilizando o ITA Matrix”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *